anúncio-texto

terça-feira, 15 de junho de 2010

A Katana



KATANA, é a espada dos Samurais, ela representa a honra e a força dos guerreiros japoneses. As espadas dos Samurais são pessoais, feitas à mão em um precesso atesanal.


A forja se faz da seguinte forma:


Primeiramente, o Ferreiro escolhe um "bom" pedaço de aço. Corta-o no tamanho ideal para a lâmina da espada e o joga no fogo até ficar rubro. Com o aço amolecido pelo calor, o Ferreiro começa a desferir marretadas vigorosas para dar-lhe a forma desejada. Ainda quente, o aço é lançado em água fria, recebendo um choque térmico. O processo de Fogo, Marretada e Água fria se repete até que a forma desejada seja alcançada e possa ser polida e afiada. A explicação para os três processos é o seguinte:


Fogo: amolece o aço, dando-lhe flexibilidade.


Marreta - molda o aço, da forma como deseja o ferreiro.


Água fria - testa o aço. Ou seja, a função da água é testar a resistência do aço. Se ele é fraco, quando há o choque térmico, racha. Quando racha, indica que o aço é de péssima qualidade e só serve para o ferro velho. Mas, se o aço é bom, suporta fogo, pancadas e água fria, tornando-se ao final uma genuína arma de guerra.


Deste provém um bom KATANA.


Nós, cristãos, também somos forjados igualmente a uma Katana. Se somos bons, suportamos as lutas, as adversidades e nos tornamos mais fortes. Se, ruins, "rachamos" e não servimos para a obra de Deus.


Bispo Natal Furucho

0 comentários:

Postar um comentário

 
2009 Template Bucólico|Templates e Acessórios